Conversa na Travessa

terça-feira, fevereiro 01, 2005

The world will pardon my mush*...

...mas hoje vou ser sentimentaloide.

*Terceiro verso da quarta estrofe

Ha' quem diga que nao se deve voltar aos lugares onde fomos felizes [Pavese?]. As tantas, acho que tambem e' arriscado voltar a filmes de que ja' se gostou muito, ha' muito tempo, em fases diferentes do desenvolvimento sociopsicocoisopessoal. Tenho muito medo de rever A Influencia dos Raios Gama no Desenvolvimento das Margaridas (grande titulo, grande filme), por exemplo, nao va' acontecer-me o mesmo do outro dia a rever o Annie Hall. "Banal" foi o que me veio 'a mente, e nao sabem o quanto este epitoto me magoou. Eu sei que foi algo mais do que nao gramar as roupas androginas da Annie, muito fashion avant-garde na altura, com certeza. Foi algo muito mais. No entanto, a ultima cena do filme continuou a ser a minha cena de eleicao. Posso sempre voltar a esta cena, sem remorsos:

Alvy Singer: "I though of that old joke, y'know, the, this, this guy goes to a psychiatrist and says:
- Doc, uh, my brother's crazy. He thinks he's a chicken.
And, uh, the doctor says:
- Well, why don't you turn him in?
And the guy says:
- I would, but I need the eggs.

Well, I guess that's pretty much how I feel about relationships. Y'know, they're totally irrational and crazy and absurd and, but, uh, I guess we keep going through it because, uh, most of us need the eggs.
"

E faz tao mal ao colesterol. Mas quem resiste a uma gemada com Nesquick®?[upgrade: gemada com Cadburys®; upupgrade: castanhas de doce de ovos; upupandawaygrade: nozes de chocolate por fora e doce de ovos por dentro]


Annie Hall (1977)


The Effect of Gamma Rays on Man-in-the-Moon Marigolds (1972)

2 Coscuvilhices:

Enviar um comentário

<< Home